02. março 2021

Bancários do Banco do Brasil paralisam atividades em agências de João Pessoa

Paralisação acontece em protesto contra o anúncio da direção do banco que prevê o fechamento de agências e a demissão voluntária que tem por meta dispensar 5 mil trabalhadores do banco.

Os funcionários do Banco do Brasil em João Pessoa paralisaram o atendimento em agências nesta sexta-feira (14), em protesto contra o anúncio da direção do banco que prevê o fechamento de agências e a demissão voluntária. A paralisação começou às 8h e segue até as 12h, em todas as agências de João Pessoa. Além disso, um ato também acontece em frente a Praça 1817.

Bancários do Banco do Brasil paralisam atendimento em agências de João Pessoa — Foto: Walter Paparazzo/G1

 

Uma reunião foi realizada pelo Sindicato dos Bancários da Paraíba e os funcionários do Banco do Brasil, na noite desta quinta-feira (14), de forma virtual, para discutir como aconteceria a paralisação.

De acordo com o sindicato dos bancários da Paraíba, existe a possibilidade do fechamento de pelo menos três agências. Em João Pessoa, a agência Parque Solon de Lucena, localizada no bairro de Tambiá, e a agência do Jardim Cidade Universitária serão fechadas. Em Campina Grande, a agência Jardim Paulistano, na Avenida Assis Chateaubriand deixará de funcionar.

De acordo com dados do Banco do Brasil na Paraíba, atualmente apenas 67 agências funcionam no estado, juntamente com 36 postos de atendimentos (PAAs). Esse número reduzido é fruto de outra reestruturação efetivada em 2018 quando agências foram fechadas. Só em João Pessoa foram quatro agências que tiveram suas atividades encerradas, a exemplo do Espaço Cultural Shopping Sul, Mag Shopping e Cabo Branco, como também no Partage Shopping em Campina Grande. Outras 11 foram transformadas em postos de atendimento, as agências da Rua Treze de Maio do Centro Administrativo Municipal, além das agências dos municípios de Aroeiras, Barra de Santa Rosa, Caiçara, Ingá, Jacaraú, Lagoa de Dentro, Salgado de São Félix, Tacima e Umbuzeiro.

 

G1